Polícia Civil prende investigado por tráfico de drogas em Planura

O suspeito foi preso em sua residência

Por Portal NC 06/12/2019 - 11:59 hs
Foto: Portal NC
Polícia Civil prende investigado por tráfico de drogas em Planura
Polícia Civil prende investigado por tráfico de drogas em Planura

A Polícia Civil de Planura, após desenvolver uma investigação criminal de fatos relacionados a tráfico de drogas, cumpriu, na tarde desta quinta-feira, 5, um mandado de prisão preventiva contra um homem suspeito de traficar drogas na cidade.   

Depois da quebra do sigilo de dados telefônicos do suspeito, a PC conseguiu coletar evidências suficientes para indiciá-lo por tráfico, associação e corrupção de menores, bem como representar pela prisão preventiva. 

O suspeito era investigado por tráfico há algum tempo e foi preso em sua residência. Descobriu-se que pesava contra ele um mandado de prisão por débito alimentar, o qual também foi cumprido. 

Participaram da ação policial o delegado Murilo Antonini e os investigadores Matheus, Davi e Lara.








Deixe seu Comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal Notícias Colômbia ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do Portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.