Professor faz relato após embarcação naufragada aparecer no Rio Grande

Bióloga divulgou vídeos e fotos de embarcação em Colômbia devido ao baixo nível da água

Por Portal NC 17/11/2020 - 10:25 hs

Professor faz relato após embarcação naufragada aparecer no Rio Grande
Professor faz relato após embarcação naufragada aparecer no Rio Grande

O professor e geógrafo, Adriano Cândido Pereira, relatou a história da hidrovia do Rio Mogi que esteve em atividade de 1883 e 1903. Nesta semana, uma embarcação naufragada foi encontrada no Rio Grande, em Colômbia.

Segundo o professor, a hidrovia partia de Porto Ferreira até o Porto Pontal e passava pela região. Além disso, as embarcações encontravam empecilhos para navegar nas corredeiras.  "Esse batelão encontrado era particular e provavelmente levava gêneros de difícil acesso na época. Subia transportando café que saia de Pontal e descia com sal para atender a pecuária do Triângulo Mineiro, querosene e ferro", disse. 

O professor lembrou que as embarcações da época não tinham segurança, algumas eram movidas a vapor, mas não é o caso da encontrada no Rio Grande. "Vários artefatos de antigas embarcações já foram encontrados na hidrovia do Rio Mogi que tinha 200 quilômetros e 11 portos ao longo de toda sua extensão", afirmou. 

Para o professor Adriano, a hidrovia é um marco para o desenvolvimento da região e a embarcação naufragada confirma a história. "É um sítio histórico o local onde foi encontrada, não existia a estrada de ferro e as mercadorias tinham que passar pela nossa região", afirmou.  "Não somente eu como todos os historiadores ficamos felizes em encontrar algo assim e tenho que ir lá para ver", finalizou.

EMBARCAÇÃO: A bióloga Maria Inácia Freitas divulgou vídeos e fotos de uma embarcação naufragada no Rio Grande, em Colômbia. A descoberta de um empresário no domingo (8) só foi possível devido ao baixo nível de água.








Deixe seu Comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal Notícias Colômbia ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do Portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.