PM consegue doação de cadeira para deficiente

A cadeira de rodas foi entregue para a mãe

Por Portal NC 12/01/2021 - 10:42 hs
Foto: Maria Inácia
PM consegue doação de cadeira para deficiente
PM consegue doação de cadeira para deficiente

O produtor rural Wilson Camargo de Barros Filho fez a doação de uma cadeira de rodas motorizada, que custa aproximadamente dez mil reais, para uma deficiente do município de Colômbia A ação foi realizada graças ao pedido da sargento Andréa Cristina Viana, comandante do Grupamento da Polícia Militar de Colômbia, por intermédio da bióloga Maria Inácia Macedo Freitas. "Um dia, eu estava no trabalho e percebi que a cozinheira aqui da nossa base falava que sentia dores nos braços, que a idade estava chegando e ela estava perdendo as forças. Fiquei preocupada, porque sei que a sua filha é carregada no colo pela mãe para várias atividades necessárias do dia a dia”, explicou a sargento.

A cadeira de rodas foi entregue para a mãe na manhã da segunda-feira, juntamente com a bióloga Maria Inácia, policiais do grupamento e o prefeito do município, Júlio Cesar Santos, em frente à base da Polícia Militar do município. “A mãe nunca reclamou por cuidar da filha, que passou a ser cadeirante logo após completar os seus 20 anos. A mãe havia comentado que não conseguiu ir à igreja com a filha por não conseguir empurrar a cadeira de rodas”, finalizou Andréa.

A senhora Maria de Lourdes, mãe da jovem Suelen Cristina de Oliveira, nascida em 1983, conta que a filha é portadora doença de Wernicke, que é um distúrbio cerebral que pode provocar confusão, problemas nos olhos, perda de equilíbrio e também pode causar a polineuropatia, que afeta os nervos dos órgãos responsáveis pelos movimentos.

Segundo ela, Suelen precisa muito deste apoio. A mãe relata que a filha não move as pernas, tem dificuldade de coordenação motora, não se alimenta sozinha e é totalmente dependente. “Ela sempre usou cadeira de rodas, pois tem muita dificuldade para se movimentar. Eu agradeço à sargento que se dispôs a conseguir e agora ela vai ter mais facilidade quando precisar sair de casa”.








Deixe seu Comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal Notícias Colômbia ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do Portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.