Grade de proteção da ponte do Rio Grande é danificada

O trecho da ponte sobre o Rio Grande, é de responsabilidade do DNIT-MG

Por Portal NC 21/01/2021 - 12:59 hs
Foto: Portal NC
Grade de proteção da ponte do Rio Grande é danificada
Grade de proteção da ponte do Rio Grande é danificada

A bióloga e condenadora da Defesa Civil de Colômbia, Maria Inácia Macedo Freitas, divulgou em suas redes sociais algumas imagens da grade de proteção da Ponte Gumercindo Penteado, que ficou destruída após mais um grave acidente.

O trecho da ponte sobre o Rio Grande é de responsabilidade do DNIT-MG. A grade de proteção da ponte entre Colômbia e Planura tem aproximadamente 6,5 metros de altura.

“Apesar de ser área mineira, também temos pedestres de Colômbia que trafegam pelo local. Achamos prudente fazer a sinalização. Como membro da Defesa Civil de Colômbia, fui até o local e coloquei fitas zebradas, para evitar novos acidentes. As fitas são para sinalizar e evitar que ciclistas ou pedestres passem pelo local que ocorreu a colisão do caminhão. As grades foram todas destruídas e foi aberto um buraco no piso da passarela. O local está em grande risco por não sabermos o quanto a estrutura de cimento da passarela para pedestres foi danificada. Temos que aguardar avaliação dos engenheiros”, explicou a coordenadora.  

Esse não é o primeiro acidente que acontece na ponte que danifica as muretas após um paliativo feito pelo DNIT na ponte. Outros danos foram consertados.

“Estamos reivindicando uma reforma decente a mais de cinco anos e até agora só fizeram um paliativo. Pode ser fatal a queda neste local, uma vez que não existe nenhuma segurança, devido aos destroços e vergalhões de ferro à mostra. O local ficou sem proteção com o leito carroçável, onde transitam veículos maiores”.

O motorista do caminhão, que faleceu, percorreu cerca de sessenta metros em atrito nas grades de proteção da ponte. 








Deixe seu Comentário

1. Todos os comentários suscetíveis de serem considerados difamatórios e ofensivos, contendo linguagem imprópria e deselegante, e que visem o autor do artigo, dos responsáveis e colaboradores do Portal Notícias Colômbia ou do autor de outro qualquer comentário, denegrindo, dessa forma, a imagem do Portal, serão excluídos. Esta regra será também aplicável aos que dissimulem tais expressões ou que as substituam por expressões não conotadas como impróprias mas com as mesmas intenções apontadas.
2. Os comentários que, pela sua publicação repetitiva, tenham um conteúdo paulatina e reiteradamente utilizado com o objetivo de “boicotar” o tema ou assunto em discussão, devem, de igual forma, ser excluídos.
Os visitantes do portal, de resto, possuem toda a liberdade para se expressarem sobre os temas ou assuntos publicados, sempre em obediência às duas regras atrás enunciadas, assumindo, porém, toda a responsabilidade pelo conteúdo e sentido dos seus comentários.
Quem reincidir mais do que três vezes na publicação de comentários em infração dos pontos 1. e 2. incorre no bloqueamento do seu acesso ao Portal, sempre após deliberação dos responsáveis pelo Portal.